DETECÇÃO DO CÂNCER DE PRÓSTATA

A melhor maneira de detectar câncer de próstata atualmente envolve a dosagem de PSA genérico e o toque retal.

Nenhum teste isolado pode detectar todos os tumores e no mínimo 20% dos cânceres de próstata tem PSA abaixo de 4,0 mg/ml, ou seja teste normal.

Isoladamente o toque retal detecta 31,4% e o PSA apenas 42,1% dos tumores de próstata. No entanto, a combinação dos dois testes aumenta para 60,6% a chance de detecção em pacientes que se submetem á prevenção. Assim para melhores resultados, deve-se fazer ambos os testes em pacientes com risco de câncer de próstata.

A Associação Americana de Urologia, recomenda aos homens uma avaliação anual para câncer de próstata iniciando aos 50 anos para a população geral, e aos 40 anos para a população de risco (história familiar de câncer de próstata em parentes de primeiro grau).

Ref: Michael S. Cookson. Prostate Cancer. Screening and Early Detection Cancer Control – 2001 – Vol. 8, Nº 02, Pag. 133 a 139.

Dra. Alice Helena Rosante Garcia - ONCOCAMP

Michael S. Cookson. Prostate Cancer. Screening and Early Detection Cancer Control – 2001 – Vol. 8, Nº 02, Pag. 133 a 139.

© Copyright 2011 - ONCOCAMP - Clinica de Oncologia Diag.e Terap. SC Ltda. - Rua Pe. Joaquim Gomes, 149 - Jd. Guanabara - Campinas - SP